Jornalista Régis Oliveira: Carlos Lupi diz que Heitor cometerá um erro se deixar PDT

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Carlos Lupi diz que Heitor cometerá um erro se deixar PDT

Ida dos Irmãos Gomes para o partido é confirmada por Carlos Luppi,

O ex-governador Cid Gomes, seu irmão Ciro e seus aliados seus acertaram, nesta sexta (21/08), que devem deixar o Pros e filiar-se ao PDT até setembro. A decisão foi tomada após reunião com o presidente nacional do partido, Carlos Lupi, na Sala da Presidência da Assembleia Legislativa. A decisão foi confirmada pela assessoria do presidente da Casa, Zezinho Albuquerque (Pros). E, após a reunião, foi confirmado que Roberto Cláudio (Pros) deve ser realmente o candidato do partido à Prefeitura.
Durante o encontro foram avaliados alguns pontos para a entrada do grupo cidista no PDT.
A decisão deixa de lado o deputado estadual Heitor Ferrer, que foi candidato pelo partido ao Palácio do Bispo em 2012, ficando em terceiro lugar e quase chegando ao segundo turno. O ainda trabalhista, principal nome do partido no Estado, afirmava que desejava disputar o posto novamente.
“O Heitor tem um grande valor. Tenho profundo carinho e respeito por ele, mas ele tem que entender que o PDT tem um projeto nacional. E que o País é maior que a visão específica que ele possa ter de uma ou outra cidade”, afirmou Lupi.
De acordo com o presidente, o partido tentará convencê-lo a ficar no partido. “Ele cometerá um erro se ele sair do PDT”, diz. Lupi argumenta que Roberto Cláudio já não poderá disputar a Prefeitura em 2020, deixando subentendido que ele poderia ser o sucessor dele. “Acho que na política, quatro anos é mais rápido que um dia”, diz.

Nenhum comentário: