Jornalista Régis Oliveira: Obstrução na Câmara de Aquiraz impede votação de Contas de Edson Sá

terça-feira, 15 de setembro de 2015

Obstrução na Câmara de Aquiraz impede votação de Contas de Edson Sá






Com a ausência de 06 dos 15 vereadores, a votação das contas referentes aos exercícios de 2010 e 2011 do ex- prefeito de Aquiraz Edson Sá, que era a única matéria da pauta de hoje, não pôde ser realizada nesta terça feira, dia 15.



Na semana passada o presidente da Casa,  Josimar de Castro havia pedido à comissão de Finanças e orçamento que apressasse  a apresentação do parecer sobre a matéria e avisou que colocaria na pauta desta semana, baseado no prazo de 20 dias após o recebimento, conforme artigo  218 do capítulo 13 do regimento interno  da casa.



Nesta terça, dia 15 , ao autorizar a chamada da  sessão,   e comprovar que estava sem quórum mínimo para votação, pois são necessários  2/3 , ou seja 10, com a presença de  apenas 09 dos 15  vereadores e sem haver pronunciamento  por parte da comissão de finanças e orçamento sobre o parecer final, o presidente comunicou a nomeação do vereador Jair Silva, como   relator  ad hoc,( ou seja destinado para este fim específico), embasado no artigo e 36, línea k, também do  regimento interno, (VER Cópia de trechos do regimento abaixo) e após o tempo de espera de 15 minutos,  não havendo o número legal,  declarou encerrada a sessão, convocando os vereadores para o próximo dia 22.


.


Segundo o  novo relator da matéria, as contas  retornarão como item único da pauta na próxima sessão, dia 22 de setembro e assim sucessivamente até que haja quórum necessário para votação.

São necessários 08 votos para a aprovação, maioria simples ou 10 votos para desaprovação, 2/3 do total de vereadores.

Compareceram à Sessão os seguintes vereadores;

Josimar de Castro, Jair Silva, Ney Pires, Neide Queiroz, Cláudio Diógenes, Ritilely, Nilton dos Pescadores, Mayara Silva e  José Airton.

Não compareceram ; Carlos César, Dr. Cláudio, Maurício, Ricardson, Vandinho  e  Ronaldo Silva .









Nenhum comentário: