Jornalista Régis Oliveira: Vice-prefeito de Choró é assassinado dentro da prefeitura

terça-feira, 24 de novembro de 2015

Vice-prefeito de Choró é assassinado dentro da prefeitura

Um homem apenas identificado como Júnior, de 41 anos, invadiu a prefeitura de Choró, no Sertão Central, na manhã desta terça-feira (24), e efetuou disparos de arma de fogo contra o vice-prefeito Sidney Cavalcante (PT), de 43 anos.

Segundo testemunhas, Júnior chegou ao Centro Administrativo Expedito Quirino Borges, da Prefeitura de Choró, a procura do vice-prefeito. Em seguida foi até o gabinete e lá efetuou os disparos contra Sidney que não resistiu aos ferimentos e foi a óbito. Em seguida, o autor do crime praticou suicídio.
A motivação do crime seria passional. Júnior teria dito, antes atentar contra a própria vida, que também teria assassinado a sua companheira em Fortaleza.
Antes do crime, o prédio havia sido isolado pela Polícia Militar e equipes do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) foram enviadas ao local para conduzir as negociações, porém não tiveram tempo para abordar o atirador, que cometeu o crime durante a mediação.
A ação durou cerca de 3 horas, e o crime ocorreu no gabinete do prefeito. No local, a Polícia encontrou diversas cápsulas de bala que sugerem que cerca de 12 tiros foram disparados.
Natural de Choró, Francisco Sidney Cavalcante de Sousa tinha 42 anos. Ele foi vereador do município e, em 2012, foi eleito vice-­prefeito na chapa de José Antonio Rodrigues Mendes. O velório acontecerá nesta quarta- ­feira (25) no mesmo local do assassinato. Foi decretado três dias de luto na cidade, pelo prefeito municipal.
Com informações de Wellington Lima

Nenhum comentário: