Jornalista Régis Oliveira: Prefeito Guimarães recebe fábrica da dinamarquesa Vestas, líder mundial em turbinas eólicas

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Prefeito Guimarães recebe fábrica da dinamarquesa Vestas, líder mundial em turbinas eólicas

● Aquiraz comemora R$ 100 milhões em investimento e 500 novos empregos
Fotos:Joselito Araújo
O prefeito Guimarães participou, nesta segunda-feira, 18, da solenidade de inauguração da indústria Vestas, em Aquiraz. A multinacional dinamarquesa, líder mundial em soluções de energia eólica, investiu um montante da ordem de R$100 milhões na sua nova fábrica. A cerimônia aconteceu na sede da nova unidade, localizada no Km- 22 da Rodovia BR-116, nº 1517, bairro Jibóia.

Em seu discurso, Guimarães enfatizou a expressividade do investimento para município e os benefícios que serão gerados à população local com a nova fábrica. “Foram mais de cem milhões de reais investidos e mais de 500 empregos diretos e indiretos que vão nos beneficiar”, ressaltou o prefeito.

Aquiraz já havia sido apontada como uma das 50 cidades do Brasil mais propícias para instalação de novos  empreendimentos, com destaque para prestação de serviços, segundo levantamento de dados pela revista Exame, em novembro de 2015. Novos negócios que se estabelecem no município de Aquiraz, como a Vestas, portanto, são também fruto da política de planejamento e infraestrutura para atração de investimentos, desenvolvida pela atual gestão. Seu objetivo é proporcionar sustentabilidade ao crescimento socioeconômico do município.

As novas instalações da Vestas em Aquiraz devem gerar mais de 500 empregos diretos e indiretos, abrangendo desde o chão de fábrica até o setor administrativo. Para o presidente da empresa no Brasil, Rogério Zampronha, o país é uma das grandes apostas da indústria eólica. "Aqui, o mercado de energia tem um grande potencial de expansão. O plano de investimentos que acabamos de executar reforça nosso compromisso com o desenvolvimento de energia limpa no país”.

Zampronha ainda ressaltou a escolha de Aquiraz como sede da primeira fábrica da Vestas no Brasil. “Escolhemos Aquiraz, pela desburocratização e pela facilidade de logística com os dois portos existentes no Estado”.

Já o vice-presidente Global de Manufatura e Suprimento, Jean Marc Lechêne, disse que a Vestas tem a pretensão de produzir e exportar para o continente sulamericano. “Vamos, em breve, exportar para a América do Sul e isso será bom também para os nossos colaboradores”, afirmou.

O governador Camilo Santana, que também esteve presente à inauguração da fábrica, destacou as facilidades logísticas que o Estado propicia, através dos portos do Pecém e Mucuripe, além da duplicação da rodovia que vai de Beberibe à Fortim, no litoral leste. Ele lembrou, ainda, do início das operações da Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), uma indutora do setor de metalmecânica, que também poderá estar atendendo a Vestas.

Sobre a Vestas

Todos os dias, as turbinas eólicas da Vestas fornecem energia limpa que apoia a luta global contra as mudanças climáticas. A energia eólica de mais de 55.700 turbinas da Vestas reduz emissões de carbono em mais de 60 milhões de toneladas a cada ano, enquanto cria segurança e independência energética.


A Vestas fornece energia em 74 países, proporcionando empregos para cerca de 19.600 pessoas, que trabalham em sites de serviços e projetos, instalações de pesquisa, fábricas e escritórios em todo o mundo. Com 52% a mais de megawatts instalados do que qualquer outro player da indústria e perto de 71 GW de capacidade acumulada em todo o mundo, a empresa é a líder mundial em energia eólica.

Saiba mais

A Vestas, como única do mundo dedicada exclusivamente à energia eólica e líder do setor, inaugurou sua primeira fábrica no Brasil, em Aquiraz. A unidade produzirá hubs e nacelles V110-2.0MW e V110-2.2MW, sendo a primeira eleita pela revista inglesa Windpower Monthly como a melhor turbina eólica de 2015 em sua categoria. 
Além de atender aos clientes brasileiros, a expectativa da Vestas é de que a produção em Aquiraz possa fornecer equipamentos, também, para outros países da América Latina. A empresa atua no Brasil desde 2000, onde já possui 364 turbinas instaladas, o que representa uma capacidade total para gerar 713 MW de energia. Além disso, a companhia já tem 376 MW em contratos firmes, a serem entregues com unidades produzidas em Aquiraz.

A nova fábrica ocupa uma área total de 20 mil metros quadrados, conta com um centro de estoque e distribuição e uma unidade para capacitação de pessoas, onde profissionais do Brasil e de países vizinhos passarão por cursos e treinamentos. Atualmente, a empresa opera e mantém 13 parques eólicos no país, como o da cidade de Xangri-lá (RS), que produz energia para a fábrica de automóveis da Honda, localizada em Sumaré (SP).

Nenhum comentário: