Jornalista Régis Oliveira: Açudes começam a sangrar no Ceará

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Açudes começam a sangrar no Ceará

As chuvas  dos últimos dias fizeram mais duas barragens do Ceará  sangrar na madrugada e manhã deste domingo (24). Depois de quatro anos, os açudes Trici, no município de Tauá e Colinas, em Quiterinaópolis atingiram a capacidade máxima de armazenamento começassem a transbordar na madrugada e manhã deste domingo, 24 de janeiro, de acordo com a Companhia de Gestão de Recursos Hídricos (Cogerh).



A barragem do Trici a sangrar por volta das 7 horas da manhã desse domingo. Durante anos, o reservatório serviu para a cidade de Tauá por muitos anos, mas estava totalmente seco. Já a barragem Colina, em Quiterianópolis atingiu a capacidade máxima de armazenamento por volta das 5h30, segundo moradores da região. No dia 19, o açude Caldeirões, no município de Saboeiro, na Região do Alto Jaguaribe, também sangrou.
Castanhão está em situação crítica.
O Castanhão, principal açude que abastece a Grande Fortaleza, registrou queda no volume de água armazenada. Segundo a Cogerh, o Castanhão perdeu 18,9 milhões de metros cúbicos de água entre 18 e 15 de janeiro. Atualmente, o volume do açude é de 10,52% da capacidade total de armazenamento. Atualmente, os açudes do Ceará têm média de volume 12,2%

Nenhum comentário: